sábado, 31 de janeiro de 2009

Um dia

És frágil como uma pena, flutuas pela rua fugindo dos cães e vais sempre pelo lado mais seguro do passeio. Vives numa redoma de vidro inquebrável, todos te protegem da dor e o sofrimento é uma palavra proibida. Estudaste pintura numa universidade inglesa, sabes de cor todos os filósofos importantes e conheces montes de gente interessante.

Um dia vais descobrir como é a vida real, ninguém para matar as baratas que sobem pela parede à noite, podes bem chamar pelo teu pai porque ele não ouve, está a dormir morto de cansaço porque o dia de um trabalhador normal é sempre longa. Vais ter de procurar emprego para não morrer à fome, ir a todas as entrevistas de mini-saia e perceber que só estás habilitada para servir à mesa ou arrumar quartos.

Vais começar a ir ao supermercado aos domingos à tarde e roubar as coisas estúpidas que usas, os cremes, as bases, as pinturas – que vais pôr sozinha numa qualquer sábado à noite, para saires e procurares companhia. Mas sem saberes, vais encontrar um homem comum, que não sabe de artes ou conhece Jesus Cristo, que vai ficar contigo eternamente até conseguir ficar contigo uma vez . Vais estar com todos os homens do quarteirão porque não há mais nada para fazer e os amigos que julgavas ter te abandonaram.

Um dia vais falhar como qualquer pessoa, sentir uma verdadeira desilusão, entender o que acontece quando o chão desaparece à tua volta e não tens outra hipótese senão mentires, enganares, fazeres tudo aquilo o que as freiras da escola te ensinaram ser errado.

20 comentários:

Luciano Freitas disse...

continuas escrevendo divinamente! andei sumido, sim, mas passarei a visitá-lo mais vezes! faça o mesmo em meu humilde blog!

abração!!!

¢auê. disse...

legal

DANY Z... disse...

O mundo pode ser deveras cruel, não é mesmo? E, um dia, irremediavelmente, teremos que aprender como sobreviver, muitas vezes, sozinhos...

Um ótimo restinho de sábado para vc...

Bjs!

Dany

Daniel A. S. disse...

Gostei do texto, é forte e denso.

Um abraço!

http://daniel.a.s.zip.net

A'ZaF disse...

aiaiai uiuiui

texto lebal

abraços

http://paranoiaelucidez.blogspot.com/

Carlos Junior disse...

MTO BOM

SE TORNAR SEGUIDOR DO MEU BLOG

QUE EU ME TORNO DO TEU

Janes William disse...

Parece O Show de Truman, onde o cara é criado por mais de 30 anos dentro de um mundo perfeito onde ele tem tudo o que precisa de mão beijada. Mas, assim como Truman, será que a personagem desta postagem é "folgada" desse jeito porque a fizeram ser assim, dando-lhe proteção demais?
Valeu!
J.W.

Lara Sousa disse...

Nossa adorei o texto, no começo pensei q fosse adivinhaão ou sei lá. Mas retratou oq acontece com muita gente, até encontrar o caminho certo para suas vidas.

beijO

fada safada disse...

Muito triste

J. C. David disse...

obrigado.

Daniel Moraes disse...

Muito bom seu post! parabéns!! \o

e ah! ia esquecendo, esse lance dos peixinhos aqui do lado é simplesmente viciante!!! XDD
fiquei uns 10 minutos brincando la xDD

Elisia Bass disse...

realidades...
amei
só não gostei "roubar as coisas estúpidas que usas, os cremes, as bases, as pinturas – que vais pôr sozinha numa qualquer sábado à noite, para saires e procurares companhia." mas num todo o texto é muito bom!!!

visite meu blog e comente: http://caminhosdabio.blogspot.com/2009/01/noticia-e-essa.html

A'ZaF disse...

mto bom man, vc escreve pakas bem

abraços

http://paranoiaelucidez.blogspot.com/

Markit0w disse...

Seus textos são fantásticos, queria eu ter esse dom...
Mas, como não tenho continuarei tentando fazer algumas pessoas rirem com meu humor inútil e de baixo calão ^^

abraços!

http://queroumtitulo.blogspot.com

parcerias add: markit0w_rigotti@hotmail.com

Tatá...;) disse...

enfim..um dia vais viver :D
Lindo texto !

bjus
http://taynalu.blogspot.com/

Felipe Lucchesi disse...

Gosto de textos fortes como esse !!!! Muito legal o blog ! Parabéns !!!
Aceita trocarmos links?

Cleiton disse...

te indiquei para o blog legal!

passa la no blog para entender ;)

Gisela Melloso disse...

Faz tempo que não venho aqui né???
estava com saudades de teus textos!!

Ok, este é um, a meu ver, um relato de como a vida não é um marde rosas!! Mas estammos ai para isso não é?

Forte abraço Fogo,
aguardo sua visita!!

DESESTRESSA MANO disse...

muito bom

abraços e sucesso

luiz scalercio disse...

cara bellissimo texto
seus texto sao bem
forte chama muita
atenção isso e
gostoso de ler.